Sejam Bem Vindos ao Blog Twilight A Saga Contínua!!! Comentem As Fics!

Capitulo 16 - Volterra

Nahuel



Do alto da torre da igreja, contemplava a cidade. A vista as colinas que se diluem na bruma, a muralha etrusca que rodeia a cidade e, mais abaixo, o tão pitoresco labirinto de ruelas. Vim ao encontro dá tão famosa família real de vampiros que habita o subsolo, embaixo de palácios, igrejas, catedral de Santa Maria Assunta, um teatro típico romano sendo que esses vampiros usam o Palácio dei Priori como atração para levar os turistas ao local e então levá-los para a morte.

Volterra cidade totalmente turística que guarda imagináveis segredos. Desci da torre e caminhei pelas ruas da cidade em meu pensamento só há odeio e sede de vingança, sei que os Volturi após o confronto com há sete anos devem estar com vontade de se vingarem dos Cullen e quando eu mencionar a união da Renesmee com um transmorfo e ainda mais o novo vampiro Adalberon tenho certeza que terei aliados poderosíssimos e finalmente poderei ficar com a mulher que esperei por todos esses anos. Meus pensamentos foram interrompidos quando me encontrei as portas de madeira que davam para entrada do palácio, e, logo fui recepcionado por dois vampiros um com a aparência de um adolescente e o outro alto, com o cabelo ate o ombro e com uma cara ameaçadora.



- Meu nome é Nahuel, e vim ver Aro Volturi. Levem-me a ele.

- Quem você pensa que é seu hibrido? É uma pena meu mestre querer você vivo, pois eu te manteria agora mesmo pela sua arrogância.

- Calma. Felix. Lembre-se das ordens de Aro. E você, siga-nos.

Andamos por mais algum tempo até que adentramos a sala principal e la se encontrava a realeza em pessoa.

- Ora, ora, ora a que devemos a honra da sua visita jovem rapaz? Ou será que posso dizer Nahuel. Já lhe esperava á alguns dias, mas como você esta indeciso não pude ter certeza se viria ou não.

- Como sabia que eu estava pensando em vir a sua procura?

- Há que falta de indelicadeza a minha, quero lhe apresentar Naia, caso não saiba ela tem o mesmo poder de Alice e tem uma curiosidade sobre ela que te deixara muito feliz, ela é sua irmã. Naia ouviu falar de nós e resolve se juntar a minha guarda e com isso desenvolveu os seus poderes ainda mais.

- Como eu nunca fiquei sabendo de Naia?

- A mãe de Naia era Árabe, por isso você não aconteceu seu pai fez questão de não apresentá-la aos outros da família, pois a mãe dela foi a que seu pai mais amou por isso queria um filho dela fruto de um amor coisa que ele nunca sentiu por qualquer outra mulher que gerou seus filhos. E acabamos com suas perguntar por aqui, depois se for do agrado de Naia você poderá conversar com ela e seu companheiro Demetri.

- Mas o que te traz aqui me conte jovem rapaz?

- Bom, eu venho trazer noticias dos Cullen´s.

- O que você acha que nos interresariamos por eles?

- Caso os senhores não saibam a filha de Edward esta se relacionando com um Lobo e tenho certeza que pretendem se casar. Já imaginou o que vai sair dessa mistura? Uma aberração, um monstro.

- Meu jovem posso sentir em sua voz um despeito, ciúmes ou é impressão minha.

- Sim. Aro. Eu amo e a quero para mim, se não fosse, um vampiro que se meteu em meu caminho hoje ela estaria comigo, eu odeio esse tal de Adalberon.

- Adalberon, disse Caius, que ate agora estava calado só ouvindo a nossa conversa.

- Sim, Adalberon. O senhor o conhece?

- Sim, ele seria um peça valiosa para nosso exercito, mas se recusou a juntar-se a nós. Gostaria de revê lo novamente, o que acha irmão.

- Esse assunto não nos interessa mais deixe tudo como esta, se a filha de Edward quer se casar com um cachorro que seja e se Adalberon depois de tanto tempo apareceu e esta com Carlisli que seja, não vou arrumar uma guerra por estes fatos, mas se você Nahuel quiser ficar conosco será bem vindo caso contrario esta livre para ir embora.

- Não te entendo Aro, vai deixa essa oportunidade passar, sem dar uma lição em Adalberon e nos cullen concerteza algumas regra serão quebradas com esse casamento entre duas expecies diferentes.

- Ora, Caius não entrarei nesta guerra agora, tenho planos maiores para o futuro.

Estava meio atordoado com todas essas revelações, tenho uma irmã que nem sabia que existia e agora o Aro se nega a me ajudar, logo ele que pensei que teria a sede de vingança? Só me resta sair deste lugar e pouco me importa se irão me ajudar ou não meu objetivo irá ser cumprido.

Sai dos meus pensamentos com Aro se despedindo de mim e saindo da grande sala seguido de sua guarda costa Renata, virei as costas e me dirigi a saída da sala. Andando pelo corredores intermináveis quando me deparei com uma linda vampira - meu mestre quer lhe falar.

- Quem é seu mestre?

- Caius. Siga-me

Entramos eu uma lugar que parecia mais um calabouço. E la esta ele com sua impetuosidade e superioridade sobre mim.

- Ora. Pensei que não quisessem me ajudar.

- Quem falou isso foi Aro e não eu, pois tenho contas a acertar com Adalberon e de quebra aniquilo a família Cullen, mais para isso preciso de alguns detalhes.

- Qualquer coisa que precisar, antes de vir procurá-los eu andei sorrateiramente vigiando, ou melhor, coloquei alguém para vigiá-los.

- então nosso pacto esta firmado, a única coisa que eu quero é Renesmee para mim e seu lobo morto.

4 comentários:

Anônimo disse...

Amei o capitulo, estou esperando pelo proximo.
beijos



Carla

Anônimo disse...

proximo capitulo por favor, estou doida para saber o que Nahuel vai aprontar, e quem e o espião.

beijos


Cassia

Anônimo disse...

estou amando, ja li todos os capitulos, parabens.


beijos, carla

lorysblack disse...

AI QUE CHATOOO!!!!!NAUM SABE LEVAR UM NÃO E SAIR COM DIGNIDADE!!!
QUEM EH ESSE ESPIÃO EIN???
E SEMPRE TEM UM VOLTURI CHATO CUIDANDO DA VIDA ALHEI EIN!!!

MONICA AMEI O CAP!!!!

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.